Posts

Vantagens da Cirurgia Endoscópica na Coluna Vertebral

A cirurgia de coluna por via endoscópica é uma das mais avançadas técnicas ortopédicas da atualidade. Por ser minimamente invasiva, oferece uma série de benefícios ao paciente que sofre com dores causadas por hérnias de disco, estenose do canal espinhal e outros problemas na coluna vertebral. 

 

Em linhas gerais, o procedimento consiste na introdução de um endoscópio na coluna (câmera de vídeo), por meio de uma pequena incisão de até sete milímetros. Por meio desse endoscópio, conseguimos ter visualização das estruturas da coluna em uma televisão com ampla e nítida imagem e realizar procedimentos de descompressão do nervo. Por isso, a endoscopia de coluna também é conhecida como cirurgia por vídeo.

Endoscopia de Coluna

Tipos de Cirurgias Endoscópicas na Coluna

 

É possível a aplicação de diversas técnicas cirúrgicas por via endoscópica na coluna. Sendo assim, a cirurgia endoscópica na coluna pode ser indicada para diversos casos, com a vantagem de ser um procedimento menos invasivo e com uma recuperação mais rápida. 

 

As intervenções endoscópicas mais comuns na coluna são:

  • Discectomia endoscópica: É a principal indicação de cirurgia endoscópica na coluna, essa técnica costuma ser utilizada para tratar hérnias de disco. O endoscópio inserido remove os fragmentos extrusos do disco intervertebral para aliviar a pressão sobre os nervos e proporcionar a melhora da dor;
  • Estenose de canal: Nesses casos é realizada descompressão do nervo que está comprimido por diversos fatores relacionados a degeneração da coluna: artrose das articulações, espessamento do ligamento e discos abaulados.
  • Ressecção de Cisto Facetário: Nesse caso a cirurgia endoscópica é realizada para retirar um cisto facetário (artrosinovial) que pode estar comprimindo o nervo na coluna, gerando dor ciática.
  • Foraminotomia: em pacientes que possuem estenose foraminal, um estreitamento do canal por onde os nervos espinhais saem da coluna, insere-se o endoscópio com o objetivo de remover tecido ósseo ou outras estruturas que estejam comprimindo os nervos;
  • Tratamento da Discite: A discite é a infecção dos discos intervertebrais. Muito mais rara do que as outras patologias já mencionadas, ela também pode causar dor lombar e dor ciática, e por via endoscópica também conseguimos realizar a limpeza do disco. 

Endoscopia de Coluna

Vantagens da Cirurgia de Coluna por via Endoscópica

 

Como a cirurgia de coluna por via endoscópica cria o acesso à área-alvo com o auxílio de dilatadores que acompanham o endoscópio, o procedimento requer incisões menores e, por isso, minimiza os traumas aos tecidos circundantes (pele, tecido subcutâneo e músculo). 

 

Em geral, o paciente que passa pela cirurgia endoscópica apresenta menos dor pós-operatória, diminuição significativa no tempo total de hospitalização (alta no mesmo dia) e tempo da reabilitação do paciente, menor risco de infecção, sangramentos e outras complicações. 

 

Do ponto de vista estético, a cirurgia endoscópica também é superior. A cicatriz é discreta e apresenta menos de 1 cm.